GOVERNO SUSPENDE VENDA DE 32 MARCAS DE AZEITE | TR Revista

GOVERNO SUSPENDE VENDA DE 32 MARCAS DE AZEITE



 

Anunciada  nesta quarta-feira (2), pelo Ministério da Agricultura,  a suspensão da venda de mais 32 marcas de azeite de oliva, devido a adulterações no produto. O Ministério  afirma que a maior parte das fraudes foi  praticada com a mistura com óleo de soja e óleos de origem desconhecida.

As marcas que tiveram a venda suspensa são as seguintes:

Aldeia da Serra,Barcelona, Casa Medeiros, Casalberto, Conde de Torres, Dom Gamiero, Donana, Flor de Espanha, Galo de Barcelos, Imperador, La Valenciana, Lisboa, Malaguenza, Olivaz, Olivenza, One, Paschoeto, Porto Real, Porto Valencia, Pramesa(fabricado em Três Rios) Quinta da Boa Vista, Rioliva, San Domingos, Serra das Oliveiras, Serra de Montejunto, Temperatta, Torezani, Tradição, Tradição Brasileira, Três Pastores, Vale do Madero e Vale Fértil.

Em julho deste  ano, foram suspensas as vendas de seis marcas: Oliveiras do Conde, Quinta Lusitana, Quinta D’Oro, Évora, Costanera e Olivais do Porto.

Um teste muito simples pode constatar se um azeite é puro ou não:  

O azeite extra virgem solidifica quando submetido a temperaturas baixas.  Para realizar o teste, basta colocar um pouco de azeite dentro de um recipiente de vidro, e mantê-lo na geladeira por  48 horas. Ao abrir a geladeira, verifique se o azeite está turvo ou endureceu. Qualquer óleo que não engrossar na geladeira, não é puro.